Twelve setubal

twelve setubal

Qual é a origem do nome Setúbal?

Desconhece-se a origem do topónimo Setúbal. No entanto existe a tese de que o nome da cidade resultou da cisão de dois nomes bíblicos: Sete (3º filho de Adão) e Tubal (neto de Noé). A tese parece ser da autoria do historiador da época filipina Frei Bernardo de Brito.

Qual é o concelho de Setúbal?

O concelho de Setúbal faz parte da Área Metropolitana de Lisboa. A península de Troia, pertencente ao município de Grândola, situa-se em frente da cidade de Setúbal, entre o estuário do Sado e o litoral do Oceano Atlântico . 1.3 Da Reconquista cristã aos finais do séc. XVI

Quem escreveu a história de Setúbal?

Setúbal : Tipografia Simões, 1915. SARAIVA, José Hermano. «História de Setúbal» in Setúbal na História. Setúbal : Liga dos Amigos de Setúbal e Azeitão, 1990. AA. VV. Casas religiosas de Setúbal e Azeitão. Setúbal, Estuário, 2016, ISBN 978-972-8017-26-2. CRISTÓVÃO, Fernando Alves.

Quais são as principais características de Setúbal?

Do repertório da doçaria tradicional da região de Setúbal fazem parte as queijadas, as tortas, e os esses de Azeitão — biscoitos com a forma da letra S, feitos com farinha, açúcar, margarina, ovos e canela. De Setúbal destacam-se também os barquilhos de casca de laranja, confeccionados a partir de laranjas produzidas na região.

Quem escreveu a história de Setúbal?

Setúbal : Tipografia Simões, 1915. SARAIVA, José Hermano. «História de Setúbal» in Setúbal na História. Setúbal : Liga dos Amigos de Setúbal e Azeitão, 1990. AA. VV. Casas religiosas de Setúbal e Azeitão. Setúbal, Estuário, 2016, ISBN 978-972-8017-26-2. CRISTÓVÃO, Fernando Alves.

Qual é o concelho de Setúbal?

O concelho de Setúbal faz parte da Área Metropolitana de Lisboa. A península de Troia, pertencente ao município de Grândola, situa-se em frente da cidade de Setúbal, entre o estuário do Sado e o litoral do Oceano Atlântico . 1.3 Da Reconquista cristã aos finais do séc. XVI

Como era a população em Setúbal?

Entre eles poderemos enunciar os bairros da Camarinha, Casal das Figueiras, Liceu, Viso, Peixe Frito e Montalvão. De acordo com os censos de 2011, o município de Setúbal tinha uma População em idade ativa de 58,514 pessoas, entre as quais 15.6% estavam desempregadas.

Quais são as principais características de Setúbal?

Do repertório da doçaria tradicional da região de Setúbal fazem parte as queijadas, as tortas, e os esses de Azeitão — biscoitos com a forma da letra S, feitos com farinha, açúcar, margarina, ovos e canela. De Setúbal destacam-se também os barquilhos de casca de laranja, confeccionados a partir de laranjas produzidas na região.

Quem é o autor do livro Setúbal?

FONSECA, Jorge. Setúbal : O Porto e a Comunidade Fluvial e Marítima : 1550-1650. Lisboa : Edições Colibri, 2012. ISBN 978-989-689-264-7

Qual a origem do nome Setúbal?

Assim o topónimo “Setúbal” e a cidade perdem-se no rasto dos tempos. do Peru, Quinta dos Arcos e Basteza da Mó, calhaus achatados que teriam recebido a acção humana.

O que aconteceu com a cidade de Setúbal?

O final do Século XX marca a elevação da cidade a diocese (1975), e a criação de duas novas freguesias (Pontes/ Gâmbia e Sado) em 1985. Hoje, a cidade de Setúbal continua a crescer a um ritmo cada vez mais acelerado, incorporando áreas dantes rurais.

Quem criou o foral de Setúbal?

Em Março de 1249, Setúbal recebeu foral, concedido pela Ordem de Santiago, senhora desta região, e subscrito por D. Paio Peres Correia, Mestre da Ordem de Santiago, e por Gonçalo Peres, comendador de Mértola.

Postagens relacionadas: